• SR. JORGE

Marketing Digital Na Real #3 | O boom do e-commerce e da presença digital


Na série #MarketingDigitalNaReal, estou a trazer os principais conceitos da área para trilhar essa jornada de conhecimento com parceiros e profissionais que estão a ingressar nesse mundo. Estou a falar de pontos fundamentais, e não poderia deixar de escrever sobre o e-commerce, a presença digital e as novas formas de consumir no ambiente online. A aceleração provocada pela crise pandêmica mostrou o quanto é urgente a reformulação de negócios para adentrar no virtual. Do mercado de bairro às grandes companhias. Ninguém saiu ileso nessa história, acredite.


Então, junte-se a mim e vamos entender melhor a importância do e-commerce, como manter uma estratégia digital coerente e como inovar na hora de vender pela internet. Me acompanhe :-)


Antes, um pouco do contexto


Até 2025, a projeção era de que 91% dos portugueses tivessem o hábito de usar regularmente internet. Até lá, também era esperado um aumento de 16% - saindo de 50% para 66% - nos usuários que realizam compras online. Antes da necessidade do isolamento, talvez as empresas tivessem a impressão de que a transformação digital fosse algo que pudesse ser adiado, mas de repente, se viram empurradas a entrar nesse movimento para sobreviver. Na impossibilidade de abrir as portas e receber clientes, muitos negócios migraram rapidamente para as plataformas como lojas virtuais, vendas por WhatsApp, entre outros recursos. Fixe, mas nem tudo saiu como esperado.


“Pandemia aumenta compras online e reclamações disparam mais de 200%”

Esse é o título da matéria do site Dinheiro Vivo, em 05/08/2020.


É claro que o aumento da procura, consequentemente, pode gerar mais insatisfação. Mas esse número também nos faz entender que não basta, apenas, criar uma loja virtual como um ponto de contato com os clientes: é preciso estratégia (na comunicação, na logística, no portfólio), coesão e - especialmente - estar disposto a ouvir. O meio digital empodera os clientes, evidencia a influência entre os usuários - em reviews, avaliações e comentários - e provoca marcas a estarem sempre atentas à experiência.


Entendido isso, podemos falar agora sobre o que é necessário para se ter um bom e-commerce e o que isso tem a ver com a presença digital.


Uma loja virtual tem que ter...


Primeiro, vou esclarecer uma confusão que é comum: a diferença entre loja virtual, marketplace e e-commerce. Este último é o conceito geral que define transações comerciais de forma electrónica. Já o marketplace é um ambiente online que agrupa diversas lojas virtuais - como um shopping. E, então, temos a loja virtual como um ponto de venda digital para que os usuários vejam os produtos e efetuem a compra.


A loja virtual é um local que permite a venda de uma infinidade de produtos e serviços; reúne informações sobre ele; e abarca a administração das vendas. Ou seja, existe a apresentação para o cliente e também existe a operação “por trás” para a empresa - controle de estoque, envio, ticket etc.


Agora, vamos aos principais passos para uma loja virtual:


Depois de definir seu portfólio de produtos e o nicho que vai atuar, algumas ações são necessárias: comprar um domínio - o endereço electrónico do seu negócio; escolher a plataforma - existem várias opções como Nuvemshop, Wordpress, Loja Integrada, VTex; e preparar o conteúdo e o design.


Um ponto importantíssimo que não posso deixar de citar é a experiência do usuário. Muitas marcas investem no estudo de User Experience para compreender a fundo como o público e os visitantes se comportam - e o que esperam - do momento em que estão a navegar em um site ou loja virtual. Desde a quantidade de cliques até as cores dos botões e configuração das informações. Tudo é constantemente avaliado e o objetivo é apenas um: tornar o mais simples, funcional e agradável possível - sem jamais esquecer do mobile, certo?


Como estamos aqui com olhar abrangente, vale citar que a definição dos meios de pagamento e o alinhamento das entregas fazem parte do plano para que a loja online da sua marca não esteja nas estatísticas de reclamações.


Agora, foco na comunicação e na coerência da sua marca


A considerar que seu ponto de venda virtual precisa ser divulgado, assim como um negócio físico, estratégias de SEO (Search Engine Optimization) são essenciais para que gerar mais visitas às páginas dos produtos. Além disso, com outros recursos digitais como as redes sociais ao gerar conteúdo relevante, chatbots para suporte, CRM (Customer Relationship Management) e investimentos em media, quando bem utilizados, potencializam a comunicação, o contato e o relacionamento com seu público - e são excelentes formas de diferenciar da concorrência e incrementar vendas.


Imagine que os clientes fazem uma jornada até chegar em seu site e decidir pela compra. Seja no conteúdo, na oferta ou no atendimento, ele precisa sentir que há uma entrega de valor do que você está vendendo. Tudo isso faz parte da construção de argumentos, conexão e também fidelidade.


Bom, deu para notar que estar no ambiente digital não é mais uma dúvida, mas uma certeza. Porém, para criar mais este ponto de contato, é preciso, sim, planejar, analisar e contar com parceiros especialistas em marketing digital para que realmente se tenha os resultados esperados.


E por fim: fique de olho no shop streaming


Em um mundo complexo, volátil, ambíguo e incerto, tudo muda muito rápido. Por isso, acredito ser importante se atentar aos movimentos que devem ganhar força. O Shop Streaming é um deles.


Essa modalidade de venda acontece ao vivo, em tempo real e ainda pode haver interações com o público. É o caso da loja ao vivo da marca de chocolates Dengo, no Brasil. Ou a venda de produtos nos perfis da plataforma Twitch. Ou ainda durante lives com influenciadores. É um mundo a ser explorado pelas marcas que querem inovar e mergulhar no mundo digital ;)



Foto: reprodução


Acompanhar a mudança no comportamento de consumo e estar aderente ao contexto que vivemos faz parte da prosperidade de marcas e negócios, mas para realmente estar e ser valorizado neste meio com concorrência e influência entre consumidores mais forte, é necessário estar bem preparado - no backstage e no palco.


Podemos conversar melhor sobre as soluções para a comunicação e o marketing digital da sua marca enquanto tomamos uma chávena de café. O que me diz? Entre em contacto pelo e-mail geral@srjorge.com para marcarmos ;)


Até logo!

Sr. Jorge


20 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo